Alegra-te e rejubila-te de todo o teu coração

Mensagem do Padre Toninho

Reflexão do 3º. Domingo do Advento
Leituras
Primeira Leitura – Sofonias 3,14-18
Salmo responsorial Is 12
Segunda Leitura – Filipenses 4,4-7
Evangelho – Lucas 3,10-18

Palavra do Padre

Meus queridos irmãos e irmãs, a celebração deste 3º Domingo do Advento, nos convida à Alegria. As leituras falam da Alegria: “Alegra-te e rejubila-te de todo o teu coração…”, “Não temas e não caias no desânimo..” “Exultai, cantando alegres, habitantes de Sião,
porque é grande em vosso meio o Deus santo de Israel!” “Alegrai-vos sempre no Senhor. Repito: alegrai-vos!”. O motivo da alegria é a pela presença do Senhor no meio de seu povo.
Muitas vezes, nos perguntamos: Como certas pessoas passam por provações, dificuldades, e não se desesperam? É por causa dessa Alegria de que falam as leituras. A Alegria está no coração dessas pessoas. Elas se mantêm confiantes e certas de que o Deus de Israel está com elas. São mais fortes diante das dificuldades, e essa atitude todos nós precisamos aprender.
“Santo de Israel, seu Deus é forte, é poderoso, e não te abandona!” Não alimente no seu coração medo e não desanime. Para todos os que se abrem para Deus, as muralhas caem. Essa certeza nos faz fortes, confiantes, serenos, diante das provações.
Não podemos ser, em nossa caminhada de Fé, como uma criança, que deseja tanto ganhar, por exemplo, uma bicicleta. Chega o aniversário, o Natal, ela ganha o presente que tanto queria e fica cheia de alegria. Porém, essa alegria é passageira. Em pouco tempo, depois de brincar bastante, a criança enjoa, encosta, acabou a alegria!
A Alegria em Deus é permanente em todas as situações, as alegres e as tristes. Nas Leituras, o Profeta Sofonias e Paulo pedem ao povo daquela época e nos pedem hoje que nos alegremos.
Devemos pautar nossa vida em três pilares: Bondade, Alegria e Oração. Pela Bondade, somos chamados a ser pacíficos. Na Alegria, temos a certeza da Salvação. Através da Oração, que pode ser de pedidos, mas também deve ser de agradecimento, reconhecemos a presença de Deus em nossas vidas.
Paulo diz: “Não fiquem aflitos com suas necessidades, mas apresentem-nas a Deus!” No entanto, se você não crê na presença e no poder de Deus, Deus não pode agir em sua vida, não pode fazer nada sem a sua Fé!
No Evangelho, João Batista é procurado pelas pessoas depois de proferir as palavras que ouvimos na semana passada: “Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas. Todo vale será aterrado, e todo monte e outeiro serão arrasados; tornar-se-á direito o que estiver torto, e os caminhos escabrosos serão aplainados. Todo homem verá a salvação de Deus”. As pessoas, depois de ouvir sua pregação, perguntam a ele: O que devemos fazer?
João Batista ensina-as a viver a partilha, a serem solidárias. Para os cobradores de impostos, recomenda que procurem ser justos, que não sejam gananciosos. Para os soldados, por causa de sua violência, recomenda que não ajam com violência.
Do Evangelho, portanto, podemos tirar três ensinamentos que devemos colocar em prática para nos prepararmos para acolher Jesus: Sermos Solidários, sermos Justos e sermos Pacíficos.
Muitas vezes, as pessoas me procuram, perguntando: Padre, o que devo fazer para encontrar a Paz, a Alegria, nessa minha vida cheia de problemas, dificuldades, provações? A resposta é: “Acredite n’Aquele que está para chegar, abra seu coração, deixe que Deus te toque!”
João Batista diz: “Aquele que vem depois de mim é mais forte, mais poderoso que eu. Ele vos batizará no Espírito Santo e no fogo!”
O que transforma, renova, purifica, é o Espírito Santo. Todos devemos ser batizados no Espírito Santo. Ser batizado no Espírito Santo é deixar-se tocar por Deus, por Sua Palavra, é acolher Jesus e seus ensinamentos. Não é nenhum momento de choque.
Se você se deixa tocar por Deus, se O acolhe, Deus coloca em você a Sua Força Divina para que você se transforme em um Homem novo. Devemos nos esforçar para seguir Seus passos, para buscar Sua presença divina.
Quem é batizado no Espírito Santo não pode ser uma pessoa violenta, gananciosa, mesquinha, egoísta. Quem recebe o Espírito Santo tem que ser uma pessoa sempre melhor.
Que nós possamos sempre nos alegrar no Senhor. O Senhor está próximo. Ele está no meio de nós. Ele é o Santo de Israel. Repitamos sempre: Deus está comigo!
Uma santa e abençoada semana a todos.
(PADRE TONINHO)

Paróquia Sant'Ana

Pastoral da Comunicação da igreja de Sant'Ana, da Diocese de São Carlos. Acreditamos que as novas tecnologias e meios de comunicação são ótimas ferramentas para evangelizar e propagar a da palavra de Deus.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *